Valor das Habitações aumentam apesar da pandemia!

E investimento mantém-se em áreas relevantes.


Pelo menos na perspectiva dos bancos e de acordo com artigo no Jornal de Negócios, publicado esta semana.

O preço de avaliação subiu um euro para os bancos, apesar de o volume de avaliações ter decrescido nos últimos meses, e de os consumidores estarem com alguma expectativa.


Desacelerou o crescimento de aquisições, mas manteve a trajectória ascendente nos preços.

Apesar de estes serem dados nacionais, a única região que apresenta uma ligeira quebra é a da Área Metropolitana de Lisboa.


Igualmente o volume em euros de transacções no início do ano permanece em alta, particularmente para o segmento comercial. Há mesmo indicações, nomeadamente na Área Metropolitana do Porto, do interesse continuado por parte de empresas europeias (e não só) de se instalarem na região (InvestPorto) com 150.000 m2 esperados até 2025.


Apesar da pandemia, segundo o site da CM Porto: "...investimento estrangeiro mantém a tendência positiva e antecipa reforçar a atividade no Porto."


Este parece dos sectores que, apesar de ligeiras oscilações, mantém alguma resiliência nesta fase de negócios e da actividade económica do país, nomeadamente na região do Porto.


Parece tornar-se relevante e necessário, o desenvolvimento de avaliações e análises estratégicas e de posicionamento, num mercado onde os produtos e soluções, e mesmo os concorrentes, têm desenvolvido actividade e investimento com características mistas.


Será que a tendência se irá manter com o desenvolvimento da presente situação e com o desenvolvimento da actividade económica? Uma segunda vaga irá afectar de outra forma o sector? Quais serão as melhores soluções para os investidores, já que o sector financeiro continua a ter uma performance inferior em termos de rentabilidades?


Com o comportamento dos consumidores relativamente ao que procurariam na sua próxima habitação, e com as empresas multinacionais a permitirem, em alguns casos, a permanência em tele-trabalho até ao próximo ano, a análise das condicionantes de mercado aumenta de importância.


Deixe a sua opinião nos comentários. Continuamos interessados em conhecer a sensibilidade e expectativas que existem no mercado.


  • Black LinkedIn Icon

IMOBINTEL

Rua da Lionesa, 446, Ed. C12

info@imobintel.pt

929 075 128

©2020 by Imobintel. Desenvolvido por Comunicadores & Associados